No ultimo sábado foi dia de muito aprendizado no 3o Seminário Internacional de Mães, no qual fui representando o Tempo Magico.
Esse é o maior evento sobre maternidade do Brasil! Mais de mil pessoas estavam presentes!
A maioria era de mães mas 9% dos participantes eram homens (segundo as organizadoras, uma porcentagem bem maior do que a do ano passado),  o que demonstra que cada vez mais os pais estão “entrando no jogo”, assumindo mais seu papel, não “apenas” dividindo as tarefas em relação aos filhos como também buscando informações sobre melhores caminhos a seguir. Isso não é demais????
Como o Marcos Piangers disse na sua palestra (fechando o evento com chave de ouro), TODOS saem ganham muito quando o pai assume seu papel… os filhos, claro, por ter uma outra referência, outro porto seguro; a mãe, entre outras coisas, por poder também ter o seu espaço como pessoa, como mulher e, principalmente o próprio pai! por todas as experiências que ele pode viver, as conversas que pode ter, o carinho que pode sentir, justamente por estar ao lado dos filhos…
Tenho certeza de que ele tem tido um papel fundamental nesse movimento de pais se aproximando dos filhos, contribuindo mais ativamente na criação deles com sua presença, por toda a paixão com que ele fala sobre o assunto… Já tinha me emocionado milhões de vezes com seus videos…pessoalmente então?? Não consegui conter as lágrimas…(na verdade me acabei de chorar rsrs), mesmo sendo a segunda palestra dele que assisti na mesma semana…
Comecei falando da ultima palestra do evento mas na verdade todas foram excelentes, e trouxeram aspectos extremamente pertinentes sobre a maternidade.
O tema central do evento “um desafio novo a cada dia” foi abordado não apenas sobre o enfoque de como educar um filho (na minha modesta opinião uma das coisa mais difíceis dentro da maternidade) como também trouxe reflexões sobre algo que facilmente esquecemos como mães, no meio de milhões de coisas que temos que fazer: cuidar de nós mesmas.
Na palestra  sobre “Por que controlar as finanças é um ato de amor”, a Mara Luquet (Colunista da CBN, Jornal da Globo e SPTV) enfatizou muito a seguinte ideia:
“O melhor investimento que você pode fazer pelos seus filhos, é cuidar de VOCÊ, inclusive tornando-se financeiramente independente”. Para isso é preciso pensar desde agora sobre suas escolhas, ir atrás de qual produto se encaixa melhor no seu perfil para garantir essa independência no futuro.
Nessa mesma linha de abordagem, o Dr Drauzio Varella em sua palestra sobre “Cuidar da própria saúde é um dever de toda mãe” falou:
“Todos querem viver bastante tempo, mas não a qualquer custo, não é mesmo? Então se você quer viver bastante, tem que planejar a vida que você quer ter e se cuidar HOJE!  São os pequenos erros do dia-a dia que comprometem sua saúde no futuro”.
Segundo ele, cuidar da saúde envolve 2 coisas principais: cuidar da alimentação e praticar exercício fisico. Nenhuma novidade, né?? Já ouvimos milhões de vezes sobre isso mas arranjamos mil desculpas para não colocar em prática. Sim, temos muitos a fazeres, somos multi-tarefas… mas sabe o que ele respondeu sobre isso? “Dê um jeito”. É bom a gente tomar esses chacoalhões de vez em quando, né??rsrs
Agora mudando um pouco o foco para um assunto que angustia provavelmente todas as mães, a palestra da Tina Bryson “Disciplina sem drama: como incentivar as mudanças a longo prazo no seu filho”  foi fantástica! Foi tanto conteúdo que precisaria de um post especial para falar da palestra toda… mas beeem resumidamente ela relaciona o desenvolvimento neurológico infantil com os comportamentos que a criança apresenta (as famosas “birras”) e sobre como ajudar nossos filhos a desenvolver as habilidades necessárias para atingirem a auto-disciplina.
Segundo ela, “o comportamento da criança é uma forma de comunicação. é como nosso filhos dizem para nós justamente o que eles precisam desenvolver”.
Na palestra ela ainda deu algumas técnicas para nos ajudar (como pais) a conduzir nossos filhos nesse processo. A boa noticia é que tanto as técnicas como todo esse conteúdo estão mais detalhadamente descritos no livro dela. Vale a pena conferir!
Por fim (mas não menos importante) vou falar da palestra da Estela Renner, diretora do filme “O começo da vida”, que já encantou milhares de pessoas ( depois também foi lançado uma série no Netflix, com seis episódios retirados a partir de 400 horas de filmagens captadas para documentário).
Para quem não pôde ver ainda o tema central do documentário é a importância dos primeiros anos na vida dos seres humanos. E sabe o que você vê por trás de todas as cenas? Relações humanas e AMOR. É disso que o filme trata, é disso que os especialistas falam nas entrelinhas, e foi sobre como ela buscou retratar isso no documentário que ela descreveu para nós em sua palestra. O que vimos foi uma pessoa (e sua equipe) de uma sensibilidade imensa que conseguiram, através desse projeto, provocar mudanças e discussões no mundo todo, sobre a primeira infância, licença paternidade e tantos outros assuntos de impacto direto para as nossas crianças.
Realmente uma oportunidade incrível poder ter ouvido todas essas experiências…
Parabéns às organizadoras!
E para quem quiser ir no ano que vem, pode já colocar na agenda!
Share This

Gostou deste post?

Compartilhe!