Conversar com o seu bebê antes de ele nascer é uma boa forma de fazê lo sentir se acolhido ao nascer

Quando pegamos nossos bebês no colo logo após o nascimento poderiamos imaginar que eles são um página em branco. Mas, na verdade, estudos de psicologia e fisiologia têm confirmado que nós influenciamos a sua formação durante toda a gestação, e isso repercutirá após o seu nascimento.

As áreas cerebrais responsáveis pela interpretação dos sentidos já vêm com uma bagagem enorme de informações aprendidas na barriga da mãe. Alguns desses sentidos já estarão prontos ao nascer, como a audição, e outros ainda precisam de exposição ao ambiente fora do útero para terminar o seu processo de maturação, como a visão por exemplo.

O momento em que o feto começa ouvir ocorre por volta da 14ª semana de gestação (no quarto mês). Antes disso os sons são percebidos apenas pela vibração que eles provocam no corpo do bebê, mas ainda não conseguem ouvi los propriamente. 

Quando chega a 14ª semana os ossos do ouvido interno, responsáveis pela passagem do som que chega ao ouvido externo para o cérebro, estão completamente formados. Ai sim eles são capazes de ouvir os primeiros sons, e a voz da mãe é o inicial. Isso porque essas ondas sonoras não tem que atravessar a parede abdominal e liquido aminiótico que circunda o feto, como um som exterior, para chegar aos ouvidos do bebê. Neste momento ele a ouve de forma bastante abafada (como a voz da professora do Charlie Brown no desenho do Snoopy).

Nesse vídeo, a partir do minuto 1:49 é possível ouvir como o bebê ouve a voz da mãe

fonte: auditoryneuroscience.com

Como ele escuta a voz da mãe frequentemente, ao nascer, ele é capaz de reconhecer esse som e preferi- lo a qualquer outra voz.

Mas como se sabe que o bebe reconhece a voz da mãe e ainda por cima que esse é o som que eles preferem? 

Foi feito um estudo em que eram oferecidos dois mamilos artificiais para o bebe sugar. Ao sugar um dos dispositivos o bebe ouvia a voz da mãe através de um fone de ouvido e no outro uma voz feminina desconhecida. E os bebês rapidamente escolheram o dispositivo com a voz da mãe como o preferido, sugando o por mais tempo.

Depois das 14 semanas, cada vez mais eles vão desenvolvendo o sentido de audição, e com 24 semanas eles são capazes de ouvir sons vindos do exterior e se familiarizar com outras vozes. Percebe- se que há um aumento da frequência cardíaca do bebê e de seus movimentos frente a alguns sons, vozes ou uma música. É somente nessa idade gestacional que todas as estruturas e inervações responsáveis pela audição estão completas e o feto é capaz de realmente ouvir.

Então aproveite esse meio de ligação com seu bebê antes mesmo de ele nascer. A partir do quarto mês converse, conte histórias, cante para ele. Ele vai aprender e vai reconhecer esses sons após o nascimento, sentindo se mais seguro e tranquilo.

Share This

Gostou deste post?

Compartilhe!