Não parecem existir muitos mistérios para se preparar uma caça aos ovos de Páscoa, não é mesmo?
É só esconder e pedir para a criança procurar certo?
Certo!! Mas alguns detalhes podem fazer a diferença para tornar a brincadeira ainda mais ou menos divertida (especialmente para os pequenos).
Veja as dicas que trouxemos para vocês!

Dicas 1: No primeiro ano que o Pedro procurou os ovos (ele tinha 1 ano e 10 meses), comprei o livrinho “Peppa e os ovos de Páscoa” , no qual os personagens faziam a caça aos ovos (foi o único que encontrei com esse tema). Achei que seria uma forma interessante e ilustrativa para apresentar a brincadeira para o Pedro alguns dias antes da Páscoa para ele se familiarizar com a ideia e “entrar no clima”. E deu super certo! Senti que ele curtiu bastante (pedia para contarmos a história a toda hora) e participou mais dessa novidade. E ele entendeu direitinho: depois que achou os ovinhos pediu para abrir para comer, assim como a Peppa hehe

Dicas 2:  Na hora de esconder os ovos considere a altura da criança e suas habilidades. Isso vale não apenas para você tomar cuidado para não dificultar muito para os pequenos (lembre-se que às vezes o que pode ser obvio para nós nem sempre será para eles!) como também para justamente você aproveitar e explorar as habilidades que a criança já tem (e assim tornar a brincadeira mais interessante), como ficar na ponta dos pés, rastejar, ou mesmo ter que criar estratégias para conseguir alcançar o ovo. 😉

Dicas 3: O tempo de duração da brincadeira também varia de idade para idade. Os pequenos não se prendem por tanto tempo então o circuito deve ser pequeno. Já para os mais velhos a brincadeira fica mais legal se ela durar mais tempo… se tiver mais desafios para encontrar os ovos. Mas é interessante ter algo que demonstre para a criança que ela conseguiu completar toda a tarefa (a sensação de sucesso é muito gratificante para ela e ajuda a desenvolver sua auto-estima) e que a brincadeira chegou ao fim (aqui em casa eu coloco um coelho de pelúcia – é sempre o mesmo todo ano kkk) numa cestinha com uma cartinha do Coelho para o Pedro.

Dicas 4: Quando a brincadeira está boa a gente não quer que acabe, né? (ainda mais se for para ganhar chocolate kkk).  Uma boa forma de lidar com isso é já logo no inicio você dar parâmentos para a criança sobre como será a brincadeira. Aqui em casa eu faço 2 cartinhas do Coelho para o Pedro: Uma que leio antes da atividade começar, descrevendo o que ele terá que fazer ( e, no ano passado, como ele já sabia contar, quantos ovinhos ela teria que encontrar) e outra que demonstre que a brincadeira acabou. Assim no final a sensação é a de “missão cumprida” ao invés do “eu queria mais”. 😉
Dicas 5: Especialmente para os pequenos, às vezes vários ovinhos pequenos tornam a brincadeira mais interessante do que um único ovo grande e a diversão irá durar mais tempo. Ainda mais por gostarem de “quantidade”, é uma boa forma deles encherem a cestinha sem se encherem de chocolate hehe
Dicas 6: Especialmente se você tiver mais de um filho vale a pena também definir algumas regras para que todos saiam contentes. Por exemplo, ninguém abrir seus os ovos até que o outro encontre todos os seus também… ou, definir cores/ marcações para os ovos específicos de cada um e por aí vai…
Crianças são sempre uma caixinha de surpresas, especialmente frente a situações novas e datas comemorativas. Algumas vezes o que era para ser apenas curtição pode não ocorrer da forma como nós pais esperamos, o que pode gerar frustração para ambos.
         
A ideia dessas dicas é justamente essa: deixar as crianças, especialmente as menores, numa situação mais confortável e conhecida, para que elas possam se soltar e curtir a brincadeira.
     
Mas, acima de tudo  o mais importante é curtirmos esse momento com elas, entrar no faz-de-conta, comemorar cada ovinho encontrado, estar junto. Eles adoram ver a gente se divertindo também!
  
E se você quiser algumas inspirações sobre diferentes formas de fazer a caça aos ovos com a criançada dá uma olhada neste post aqui.
OBS: Algumas das dicas foram baseadas no site a few shortcuts
Share This

Gostou deste post?

Compartilhe!